Páginas

Seguidores

quarta-feira, 24 de abril de 2013

Por Walter Leite Castro "Dama de Preto"


 Por Walter Leite Castro Para pensar !
A Dama de Preto !
 Certa noite eu a vi ; me deparei com ela ,linda ,sedutora;
O que ficou em mim , foi apenas sua imagem acolhedora;
 Não sei seu nome, suas crenças , mas senti a presença;
Presença acolhedora , mas instigante ,provocadora.
 A vida é um fluí, um suceder ,um constante transformar :
Os dias , os meses, as pessoas,os acontecimentos, tudo;
Nada permanece , mas algo fica ,gravado, ferrado , em mim; pensamento,memória , lembrança , eis o que passa e fica. Assim,sou muitos , sou vasto, a cada dia um morrer um nascer;
Sou a criança , o homem , o velho mas nenhum existe em mim;
Por que?, não sei, mas existe um elo ligando os momentos ao agora;
Esta ligação é a atenção, a presença , é antítese e a síntese, o Eu. A vida misteriosa, atraente, sedutora, vasta é a grande dama ;
 Hora veste preto, hora veste outras cores, mas a dama é única;
Portanto nesta jornada o importante é a dama , não é preciso conhece-la;
Apenas senti-la, ama-la, pois esta dama é tudo ,sem ela nada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário